Terraços diminuem processo de erosão e perda de fertilizantes dos solos em Montauri


Com o objetivo de recuperar e conservar a qualidade do solo e melhorar a produtividade de áreas agrícolas, agricultores do município de Montauri, com assistência técnica da Emater/RS-Ascar, vem buscando tecnologias para diminuir os danos causados ao solo pela erosão.

Uma dessas tecnologias é a construção de terraços em áreas que vêm sofrendo degradação com o passar dos anos e causando grandes prejuízos ao meio ambiente e aos produtores, por causa da erosão. "Com ela, o solo fica degradado devido à perda de água, terra, fertilizantes e sementes, provocada pelo escoamento superficial da água sobre o solo, que leva embora a camada fértil e abre valas em meio às lavouras", explica o extensionista da Emater/RS-Ascar, Leandro José Cé. 

Através da construção dos terraços, que ajudarão na infiltração e escoamento da água em períodos de fortes chuvas, combinada com um correto manejo das lavouras em épocas de entressafra, como a implantação de coberturas, evitando que o solo fique descoberto, esse problema vem sendo amenizado. "Com essas práticas, o agricultor não terá mais perdas ocasionadas pela erosão. Além disso, haverá uma maior resistência das plantas em períodos de estiagem, devido à água dos períodos chuvosos que fica retida nos sulcos abertos pelo plantio em nível", observa Leandro.

Segundo o extensionista, nos últimos meses, após a colheita da safra de verão, foram atendidos 12 agricultores no município de Montauri, sendo demarcados e construídos cerca de 6.750 metros de terraços. "Essa técnica é aplicada em terrenos com declividade, ajudando a conter o processo de erosão dos solos e contribuindo para a contenção de água, pois, dessa forma, ela escorre mais devagar e tem maior chance de infiltrar na terra. Já num primeiro momento, foi possível observar os primeiros resultados positivos devido ao registro das fortes chuvas dos últimos meses, onde houve uma diminuição significativa no processo de erosão das áreas onde os terraços foram implantados", avalia Cé.

 

AgroLink, 09/07/2017

 



Cadastre-se e receba semanalmente e gratuitamente direto em seu e-mail a Newsletter do GlobalFert.



© 2017 GlobalFert - Todos os direitos reservados

Principal provedor de informações
estratégicas no mercado de fertilizantes