Negócios

Indianos demonstraram interesse em produzir cimento e fertilizante no Oeste do RN

O Rio Grande do Norte poderá estreitar relações com o grupo indiano Aditya Birla. A empresa que já atua no Brasil, em estados como São Paulo e Bahia, manifestou o interesse nessa quinta-feira (07), durante reunião entre o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Rogério Marinho, e o presidente executivo do grupo, Anil Jhala.

De acordo com o investidor a expectativa é expandir os negócios para explorar as potencialidades econômicas do Rio Grande do Norte que já tenham similaridade com a atuação do grupo.

Após uma apresentação do panorama econômico do RN e as áreas com maior captação de investimentos na atualidade, o empresário apontou inicialmente a possibilidade de investir na fabricação de cimento, na região oeste, e fertilizantes.

Após uma análise mais detalhada da economia potiguar, o grupo terá – ainda nesse mês de novembro – uma reunião com a governadora Rosalba Ciarlini para apresentar oficialmente as áreas de interesse para investimento.

Investidores

Com um histórico de 50 anos de atuação, o grupo Aditya Birla está entre os maiores produtores mundiais de alumínio cobre, sendo também um dos 10 maiores produtores de cimento e uma das usinas de fertilizante mais economicamente eficientes.

Com foco multisetorial, o grupo atua na indústria têxtil, química, agronegócios, carbono negro, telecomunicações, energia, serviços financeiros e tecnologia de informação, o que garante uma receita anual de U$ 40 milhões.

Jornal de Fato.com, 08/11/2013

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo