Logística

Estrutura do Porto de Paranaguá permite descarga simultânea de fertilizantes

Uma operação diferente chama a atenção no Porto de Paranaguá nesta semana. No berço 209, o navio Bulk Trader descarrega fertilizantes em uma operação simultânea, com dois guindastes de terra. Um dos equipamentos MHC (sigla em inglês para), descarrega na correia transportadora, que leva os produtos até armazéns alfandegados, enquanto o outro faz descarga direta em caminhões, que seguem para o interior ou armazéns da retaguarda.
A descarga começou na manhã de segunda-feira (2) e deve levar cerca de quatro dias para ser concluída. Ao todo serão quase 34,3 mil toneladas de produtos recebidos, incluindo ureia, nitrato de amônio e complexo NPK (nitrogênio, fósforo e potássio) que chegarão ao seu destino com maior agilidade por causa desta operação.
Para garantir maior eficiência, o porto paranaense possui regras operacionais e níveis de produtividade para cada operação. No segmento de fertilizantes, a “prancha média”, como é conhecida, varia de 6 mil a 9 mil toneladas por dia, dependendo do berço ou navio.
Segundo o diretor de Operações da Portos do Paraná, Luiz Teixeira da Silva Júnior, o uso de dois guindastes móveis de cais de maneira simultânea se deve à infraestrutura e pátios que possibilitam um grande movimento na descarga de graneis, tanto nos berços preferenciais para o produto, quanto nos alternativos.

AgênciaDeNotíciasDoParaná, 02/08/2021

Fonte da imagem: Appa

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − dez =

Botão Voltar ao topo